CURSOS ONLINE DISPONÍVEIS AQUI
CONHEÇA OS NOSSOS CURSOS ONLINE
Próxima Página Próxima Página

Há um ciclo de maturidade que temos de respeitar, tanto na natureza, como nas nossas empresas. Não podemos semear hoje e amanhã estar a tirar dividendos. Por isso, é importantíssimo perceber a diferença entre tempo vertical e tempo horizontal.

Um dos maiores erros que se comete na gestão da maior parte das PME consiste em querer colher de imediato. Por vezes, a empresa ainda não gerou uma venda, ainda não tem um tostão de lucro, e os empresários já estão a “colher”, comprometendo as vendas, o lucro e o fluxo de caixa futuro. Tais empresários estão a gastar por conta daquilo que acreditam que um dia irão lucrar.

Devemos então ter a noção dos ciclos de amadurecimento e de crescimento, para colher na altura da colheita e não antes. Perceba do que falo no vídeo abaixo.

Então, o tempo horizontal é o tempo das práticas simples, que repetimos diariamente de forma disciplinada. É assim que nós criamos uma empresa, construímos uma equipa comercial ou cuidamos da nossa saúde e forma física. Com práticas simples repetidas diariamente de forma disciplinada. No final do ciclo obteremos os resultados.

Apenas em situações de emergência é que o tempo horizontal não serve. E aí temos de recorrer ao tempo vertical, provavelmente porque não fizemos o que devíamos ter feito a médio e longo prazo. Consequentemente, focar todos os nossos recursos em determinada situação até esta estar resolvida.

Muitos dos empresários que conheço passam a vida a tratar das coisas urgentes, descurando as importantes. Todavia, não podemos fazer crescer uma empresa com tempo vertical, só podemos apenas apagar resolver crises. Lembre-se de fazer as coisas importantes. Se o fizer certamente menos urgências surgirão na sua empresa.

Leia também “NÃO SOMOS PAGOS À HORA E SIM PELOS RESULTADOS“.

Gostou deste artigo? Se quer receber quinzenalmente conteúdos como este subscreva a nossa newsletter aqui!

1 Comment

  1. Enrique De Ahumada y Ramos Reply

    “O que é importante, raramente é urgente” ( Dwight D. Eisenhower)

Write A Comment