REUNIÕES PRODUTIVAS - 5 REGRAS | Artigos Paulo de Vilhena

Em qualquer organização e equipa é fundamental estabelecer objetivos, metas e compromissos, discutir problemas e avaliar resultados. Para tal, a realização de reuniões periódicas é crucial. Todos os colaboradores devem saber em que ponto se encontra a empresa ou departamento, tal como o que devem fazer para contribuir para o seu crescimento sustentável.

No entanto, muitas empresas reúnem a toda a hora, por tudo e por nada. E essas reuniões são desorganizadas, levam tempo a mais e delas saem muito poucas decisões… Por vezes os colaboradores saem mesmo sem a noção exata do que devem executar qualitativa e quantitativamente.

 

Por isso eu sugiro 5 regras para a gestão de reuniões:
1. Confronte sempre os “factos brutais”

Temos de ter a capacidade de apresentar a realidade como ela é. O que magoa mais as pessoas é sempre a forma como as coisas são ditas. Por isso, devemos dizer o que tem de ser dito, de forma frontal e honesta, mas assertiva, cândida e sobretudo educada.

2. O diálogo deve ser ideológico

Nunca questione as pessoas, mas sempre as ideias. É a execução que deve ser posta em causa e não a pessoa responsável pelo comportamento. Na maior parte das empresas há medo do confronto porque ele não é ideológico, é um confronto pessoal.

3. Use a metodologia das questões

Perguntar, perguntar, perguntar… A tarefa do líder passa por trabalhar com pessoas extremamente competentes e questioná-las constantemente de forma inteligente, para que testem as suas posições e melhorem as suas decisões.

4. Recorra ao reforço positivo e análises sem atribuição de culpa
5. Exija a prestação de contas

Se algo não foi cumprido tem de ficar claro que não foi cumprido, para que não volte a acontecer (NUNCA). A responsabilização das pessoas e a prestação de contas não devem nunca ser subavaliadas nas empresas, sob pena de desalinhamento das equipas, perda de competitividade e, consequentemente, resultados fatais ao longo do tempo.

Gostou deste artigo? Se quer receber quinzenalmente conteúdos como este subscreva a nossa newsletter aqui!

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notifique-me se