Arquivo de tarefas - Paulo de Vilhena
Tag

tarefas

Browsing

Alguns estudos feitos em empresas dizem-nos que cerca de metade do nosso tempo de trabalho é gasto a socializar e a tratar de assuntos pessoais. A isto juntam-se vários atrasos e intervalos que fazemos. Portanto, perdemos uma parte significativa do nosso tempo com “distrações” que nos tiram o foco dos nossos objetivos e nos afastam de os alcançarmos. Então, é essencial tornar a nossa execução mais produtiva e efetiva. Isto é tão ou mais verdade para os comerciais. Uma vez que vivem tendencialmente dos seus resultados, a maneira como os vendedores aproveitam o seu tempo torna-se decisiva para a qualidade dos seus desempenhos. Por isso, vou dar-lhe alguns conselhos para que se mantenha focado e garanta uma execução produtiva: 1 – Prepare cada tarefa antes de iniciar a sua realização 2 – Liberte o seu espaço de trabalho antes de começar qualquer tarefa Trabalhe com a sua secretária limpa e…

Para qualquer que seja a nossa atividade profissional, devemos reconhecer o nosso alvo de produtividade. No centro deste alvo encontram-se as tarefas mais produtivas e o tempo mais bem pago. Contrariamente, conforme nos vamos afastando do centro, vamos encontrando as tarefas menos produtivas e que menos desmultiplicam o resultado do nosso esforço. Já pensou no seu alvo de produtividade? Sabe que tarefas lhe trazem mais resultados e dinheiro? E aquelas em que não deve investir a maioria do seu tempo? Pensemos então em qual será o alvo de produtividade de um consultor imobiliário. O centro do alvo O centro do alvo é sempre trabalho intelectual. É o tempo de pensar. Quando os consultores imobiliários estão a medir a sua atividade, estão claramente no centro do alvo. E este é o tempo mais bem pago. Definir objetivos, fazer planos para os atingir, fazer o melhor juízo sobre as tarefas que devem ser…

Sabia que 20% daquilo que fazemos é responsável por 80% dos nossos resultados? Quando planeamos a nossa atividade é fundamental ter a noção que começar pelos 20% mais importantes é a melhor decisão para priorizar as tarefas. Ainda que normalmente estas sejam as tarefas mais difíceis e que, muitas vezes, menos nos apetece iniciar. Quando organizo a minha agenda, costumo fazê-lo usando o método ABCD que aprendi com Brian Tracy. Este método consiste numa poderosa técnica de definição de prioridades, que passei a usar diariamente. A aplicação deste método começa pela listagem de todas as tarefas a cumprir no dia, seguida da sua classificação em termos de importância. As tarefas mais importantes serão classificadas com um A, as seguintes com um B, depois um C e as menos importantes com um D. Havendo tarefas classificadas com um mesmo nível, por exemplo o A, priorizo voltando a classificá-las como A1, A2 e…