Curso Mini-MBA. Inscreva-se Aqui.
Curso Mini-MBA. Inscreva-se Aqui.
Próxima Página Próxima Página
Tag

prioridades

Browsing

Todas as escolhas que fazemos sobre como usar o nosso tempo vão ter um impacto decisivo nos nossos resultados. Por isso é crítico que saiba definir a sua agenda. Porque, no final do dia, todos possuímos as mesmas 24 horas para alcançar os resultados que ambicionamos. Então o tempo é o único fator crítico que nos distingue quando falamos daquilo que cada um de nós consegue alcançar. E isto é tão ou mais verdade para os comerciais que vivem tendencialmente dos seus resultados. Estudos dizem que a maior parte dos comerciais passa cerca de 75% do seu tempo a tratar de tarefas processuais e apenas 25% realmente a vender! É um facto que há várias tarefas que temos de fazer na nossa atividade de comerciais, mas não somos igualmente produtivos em todas elas. Por isso, é crítico que conheça o seu alvo de gestão de tempo. No centro, encontra-se aquilo…

Todos queremos ser mais e mais produtivos. Conseguir fazer mais coisas em menos tempo. Conseguir mais resultados com menos esforço. Mas como? Eu acredito que há uma coisa crítica  a fazer. O nosso tempo é limitado e é o maior fator crítico do nosso sucesso. Seja no trabalho ou na nossa vida pessoal, estamos constantemente a escolher com que atividades vamos ocupar o nosso tempo. Uma das ideias que eu tento trazer ao mercado com alguma frequência é a ideia de que nós vivemos num mundo dominado por leis. Não só as leis criadas pelo homem mas também as leis que já cá estavam quando cá chegámos. Ou seja, eu acredito que há uma série de leis universais com as quais é crítico que nós nos alinhemos para podermos atingir determinados resultados. Uma dessas leis chama-se Lei de Pareto e diz que em quase tudo na vida nós temos uma…

Quer na minha atividade de acompanhar o crescimento de empresas, quer nos cursos que dou, um dos temas sobre os quais mais vezes me questionam tem que ver com os desafios relacionados com a gestão do tempo. Ora, para mim, existem duas decisões que substituem qualquer curso que possa fazer sobre esta temática. Então vou partilhar consigo as duas principais decisões que cada um de nós deve tomar para ser mais produtivo. E são apenas e só duas decisões. 1.ª Decisão – Decidir o que fazer e o que não fazer! A lista das coisas que temos de fazer não é mais importante do que a lista das coisas que não podemos fazer. Porque as nossas 24 horas estão ocupadas, seja a fazer coisas produtivas, seja a fazer coisas que não são produtivas. Então, mesmo quando nos limitamos a procrastinar, estamos a ocupar o nosso tempo! E é importante que…