Tag

capitalização

Browsing

Para explicar o modo como funciona o fenómeno da capitalização, eu transcrevi no meu livro O Mapa da Independência Financeira uma história milenar da sabedoria oriental que partilho também aqui convosco. O poder da capitalização é a força mais poderosa da natureza. E só dominando e aplicando essa fórmula é possível criar riqueza! Aquela que Einstein considerou a mais impressionante fórmula da matemática resulta na mais importante lição a aprender no que respeita à criação de riqueza. A narrativa milenar da sabedoria oriental que quero partilhar é a seguinte: “A filha do Imperador chinês estava doente e este prometeu todas as riquezas imagináveis a quem a curasse. Um jovem camponês chamado PongLo entrou no palácio. Com a sua inteligência e bravura, curou a Princesa e conquistou o seu coração. Como recompensa, PongLo pediu a mão dela em casamento. O Imperador recusou e disse ao camponês para pedir qualquer outra coisa,…

Os juros sobre juros tanto podem ser um auxiliar precioso na formação de riqueza como o maior problema da nossa dívida. Como explico no meu livro O Mapa da Independência Financeira, trata-se de capitalização negativa! Muitas vezes, quando o nosso rendimento resulta de um salário passamos a esmagadora maioria do ano a trabalhar para pagar ora impostos ora dívidas, como a hipoteca da habitação, créditos para automóvel, cartões de crédito, etc. E lá para o fim do ano, só depois de trabalharmos para o Estado e para o banco – digamos assim – é que começamos a trabalhar para nós. Claro que é nossa obrigação pagar as dívidas que contraímos ao banco, tal como os nossos impostos. Mas, para caminharmos em direção à independência financeira, é essencial que reduzamos o tempo que trabalhamos para essas entidades e aumentemos o tempo que trabalhamos para nós. Isso será também um incentivo para…

Só dominando e aplicando a fórmula da capitalização é possível criar riqueza. Mas, a menos que se ganhe uma herança, ninguém se torna milionário de um dia para o outro. Porque o tempo é o fator determinante neste processo. A fórmula da capitalização refere-se à rentabilidade sobre a rentabilidade ou ao juro sobre o juro, o juro composto. Apesar de o efeito da capitalização ser relativamente lento no início,  a base vai-se expandindo e vai acelerando com o tempo. Na prática… Se investirmos 1 euro a 10%, ao fim de um ano teremos 1,1 euros. No ano a seguir, os mesmos 10% já não irão incidir somente sobre o 1 euro, mas sobre 1,1 euros. Então, no segundo ano, teremos uma rentabilidade maior à que tínhamos no primeiro ano. E no terceiro a rentabilidade também será superior à do ano anterior – e assim sucessivamente. Ou seja, ao longo do tempo,…