Os três níveis da situação financeira | Conteúdos Paulo de Vilhena

Na caminhada para a reforma milionária, há três níveis pelos quais se pode passar. É importante que conheça cada um deles para que perceba em que fase da sua jornada se encontra.

1. Proteção financeira

Estamos em proteção financeira, quando temos liquidez para 12 ou 24 meses de despesas da nossa família. Não se trata de ter ações, mas sim dinheiro para fazer face às despesas básicas de um ou dois anos. Por exemplo, se sabemos que gastamos 20 mil euros por ano, deveremos ter entre 20 a 40 mil euros líquidos para nos sentirmos protegidos.

2. Segurança financeira

Estar em segurança financeira equivale a possuir um valor de massa crítica que, estando investido a 8% ao ano, nos permita fazer face às nossas despesas mais básicas (renda, alimentação, transporte, etc). Se tivermos 20 mil euros de despesas básicas por ano, multiplicamos esse montante por 0,08 e o resultado é o valor de massa crítica de que necessitamos para alcançar a nossa segurança financeira.

3. Independência financeira

Quando alcançamos a independência financeira, não importa apenas financiarmos as nossas necessidades básicas com a massa crítica a 8%. O nosso desejo passa por atingir a massa crítica que, rentabilizada a 8%, nos permita levar um estilo de vida correspondente às nossas expetativas.

O fator determinante na independência financeira não é o dinheiro que possuímos, mas sim a rentabilidade deste dinheiro. Só somos financeiramente independentes quando pudemos sustentar o estilo de vida que desejamos levar apenas com os rendimentos dos ativos em que investimos.

Este estilo de vida seguramente diferirá muito de pessoa para pessoa. Se sonharmos com uma vida sem grandes luxos, certamente o nosso nível de independência financeira estará muito próximo do nosso nível de segurança financeira. Por outro lado, podemos desejar levar um estilo de vida muito acima das vivências que agora temos. Então as diferenças entre os dois montantes serão bastante significativas.

 

A reter: se os nossos rendimentos sustentarem o nível de vida que sonhamos levar, então poderemos considerar-nos financeiramente independentes.

 

Saiba como pode aumentar a sua massa crítica neste artigo.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notifique-me se